Por inoperância dos governantes que não cobraram fiscalização no Rio Açu, o abastecimento de água de Macau e Guamaré esta comprometido

photo_2017-09-13_17-26-49

Os moradores de Macau continuam sofrendo sem abastecimento de água, há mais de 10 dias, em virtude da escassez de água no sistema de captação no município de Pendências. A situação tem se agravado a cada dia, sem que nenhuma alternativa tem sida providenciada pela prefeitura de Macau para amenizar a situação, a exemplo do que ocorreu em 2016, que por ser ano eleitoral, o atual prefeito ainda na condição de candidato disponibilizou carros pipa para abastecer a população.

De acordo com relatos de moradores, os últimos abastecimentos feitos pela CAERN, na tarde e noite desta quarta, 13, a água que chegou as residências é imprópria para o consumo humano, além do forte odor de lama podre, estava com 3,5 de salinidade, teor  considerado alto.

Até a presente data  não existe previsão para normalizar o abastecimento, a Caern não emitiu nenhuma nota tratando sobre a situação que se  agravou pelos constantes desvios de água na região de Pendências e Alto do Rodrigues, pela inoperância, desleixo e omissão dos gestores municipais que fizeram vista grossa e não cobraram  fiscalização no leito do rio Açu, mesmo sabendo que isso estava prestes a ocorrer.

O problema de falta de água, não se restringe somente a Macau e suas comunidades afeta também o município de Guamaré e o Distrito de Baixa do Meio e demais comunidades.

O Blogue já vinha alertando para o problema há mais de um ano e agora recente fizemos matéria no local. Veja link Aqui

facebooktwittergoogle_pluspinterest
Deixe um comentário